No último sábado (18), um mandado de prisão preventiva foi cumprido pela Polícia Civil do Maranhão, contra um homem investigado pelo crime de estupro de vulnerável praticado contra a própria filha, uma adolescente de 14 anos de idade. O crime ocorreu no município de Timon, no leste maranhense. O caso é investigado pela Delegacia Especializada da Mulher.

Segundo as investigações, o suspeito abordou a vítima, quando a levava para um sítio no interior do município, obrigando-a, mediante violência e grave ameaça, a praticar atos sexuais em um matagal. O investigado fugiu do local.

Ao tomar conhecimento dos fatos e considerando a gravidade das acusações, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva do investigado, sendo esta realizada dentro das diretrizes da Operação Acalento que visar combater o crime de violência contra crianças e adolescente. O preso foi conduzido a Unidade Prisional deste município, onde ficará à disposição da Justiça.